Visão geral do mercado FTSE100 – O que é qual a importância para os seus investimentos

ftse 100

Muitas pessoas pretendem fazer investimentos com mais ou menos risco, dependendo do seu perfil de negociador. Um dos investimentos possíveis é o mercado de ações que lhe dá a possibilidade de realizar investimentos em empresas nacionais ou estrangeiras.

O FTSE 100 (Financial Times Stock Exchange Index),mais conhecido como FTSE 100 index é o principal indicador de ativos da Grã-Bretanha, gerido pelo grupo FTSE, uma organização independente que representa um total das 100 maiores empresas listadas na bolsa de valores de Londres e que lhe pode trazer boas oportunidades de negócio.

Se este é um tipo de investimento que lhe agrada e pretende saber mais, conte com a dedicada equipa da ROInvesting e juntos discutiremos os melhores investimentos para si.

Quick navigation:
  1. FTSE 100: O que é e como é calculado?
  2. Qual é a função do FTSE 100?
  3. Fatores que influenciam a movimentação do mercado das FTSE100
  4. Como negociar FTSE100
  5. FTSE 100 companies: As empresas que pertencem ao FTSE100 e outros índices
  6. Conclusão
  7. FAQs

FTSE100: O que é e como é calculado?

O significado de FTSE, Financial Times Stock Exchange remete a que no início da criação do índice FTSE100 por volta de 1980, existiam duas organizações envolvidas, o Financial Times Newspaper e a bolsa de valores. Atualmente o FTSE é gerido pelo grupo independente FTSE.

O FTSE índex, algumas vezes chamado de footsie é o índice do mercado que compõe as 100 maiores empresas por capitalização do mercado presentes na bolsa de valores de Londres (LSE).

Este índice é em muito semelhante ao índice de ações dos Estados Unidos, onde o preço do índice é atualizado a cada 15 segundos entre o horário comercial da bolsa de valores de Londres e é calculado utilizando a capitalização de mercado total das empresas que o compõem.

Quando o ftse 100 index aumenta, significa que o valor total das empresas que o constituem está a aumentar, ainda que não signifique que necessariamente todas as empresas estão a aumentar e pelo contrário quando ele cai, que o valor das empresas está a diminuir (mesmo que não esteja a acontecer a todas).

As oscilações do ftse 100 são possíveis de observar no ftse 100 chart e a correta leitura deste gráfico é sem dúvida o primeiro passo para conseguir negociar com este índice. Como a negociação com o FTSE100 não é tão simples como à primeira vista possa parecer, recomendamos que se alie a um intermediário experiente neste tipo de investimentos como é o caso da ROInvesting.

Qual é a função do FTSE 100?

O ftse 100 é um índice, o que significa que vai monitorizar o desempenho das 100 empresas que o compõem como um grupo, em vez de analisar cada empresa em particular. Esta forma de análise financeira é uma forma mais eficaz de fazer a medição de uma secção do mercado de ações.

Em poucas palavras e de forma muito simplificada, os índices são uma forma de medir o valor médio de um grupo de ações e o seu progresso ao longo do tempo. Quando o FTSE 100 foi criado, foi-lhe associado 1000 pontos que iriam descer ou subir conforme o desempenho das empresas que faziam parte desse índice.

Atualmente, o FTSE 100 tem cerca de 6800 pontos, o que na verdade quer dizer que desses 1000 pontos iniciais, as empresas que pertencem ao FTSE100 index cresceram à volta de 530% ao longo do tempo.

Usos que pode ter o FTSE100

  • Desta forma conseguimos ter uma rápida impressão da atividade do mercado;
  • É uma ótima ferramenta de referência para os investidores, já que facilmente conseguem comparar o seu desempenho em relação ao FTSE100 index.

É importante referir que não existe apenas o índice FTSE100 na bolsa de Londres. Para além deste, existem outros também muito usados como o FTSE250, FTSE350 ou ftse smallCap que combinados entre si formam o FTSE All-share.

Fatores que influenciam a movimentação do mercado das FTSE100

São vários os fatores que influenciam o movimento do mercado do ftse100, sendo que os dois principais fatores são a economia e a política.

Isto significa que em períodos de franco crescimento económico, é normal as bolsas de valores subirem mais, pois existe também mais emprego, maior gasto por parte dos consumidores e logo mais lucro para as empresas.

Como as empresas começam a ter mais lucro, os investidores tendem também a comprar mais ações dessas empresas o que por sua vez vai significar que o mercado de ações no geral vai ser impulsionado.

Fatores a que os investidores costumam estar atentos antes de negociar nas FTSE 100 companies

  • Números de emprego/taxa de desemprego;
  • Relatórios de inflação;
  • Qual é a política aplicada pelo banco central sobre as taxas de juros;
  • Qual o volume de vendas a retalho e gastos dos consumidores;
  • Movimentos da moeda.

Prestar atenção a todos estes fatores não é fácil, até porque as notícias económicas relacionadas com o FTSE100 acabam por ser demasiado voláteis para alguns investidores conseguirem acompanhar.

É importante que saiba em que empresas ou produtos deve investir e daí que uma boa aposta pode ser investir em CFD através de um intermediário regulamentado de confiança que lhe irá permitir lucrar com mercados de ações em ascensão ou queda.

Claro que este tipo de investimentos não apresentam retorno garantido e têm riscos associados, mas com o parceiro certo como a ROInvesting, com anos de experiência neste tipo de investimentos, os riscos serão minimizados e os investimentos rentabilizados.

Como negociar FTSE100

Como referimos acima, para negociar FTSE100 é preciso ser-se experiente para conseguir ler e compreender bem o mercado, mas tem a opção de negociar contratos por diferença com os FTSE100 o que irá permitir-lhe lucrar independentemente se o mercado sobe ou desce.

Através de um intermediário regulamentado, como a ROInvesting tem a possibilidade de negociar CFDs de FTSE100 e tentar beneficiar das alterações de preço do ativo. Você pode tentar prever se o preço de um determinado ativo aumentará ou diminuirá sem realmente ter de o possuir.

Sendo este um investimento de risco, traz lhe também algumas vantagens associadas como:

  • Conta com uma equipa experiente neste tipo de negócios;
  • Investimento com alavancagem o que permite aumentar o seu potencial de lucro (mas importa referir também que o sistema de alavancagem aumenta também as perdas);
  • Terá acesso a materiais de apoio que poderá aceder sempre que queira;
  • Possibilidade de negociar CFDs de outros ativos interessantes para si;
  • Acesso a plataformas de negociação como é o caso do Meta Trader, compatível para dispositivos móveis.

Se ficou interessado em negociar CFDs de FTSE100, entre em contacto connosco que teremos todo o gosto em ajudá-lo com os seus investimentos.

Estratégias de negociação de FTSE100

Use padrões de price action e análise técnica para conseguir identificar os pontos de alteração de sentido do mercado e assim conseguir identificar áreas de compra e venda. Um padrão popular é o padrão de velas engulfing com padrão de vela alta e padrão de vela baixa.

Estes padrões podem ser identificados no FTSE 100 chart e assim ajudá-lo a identificar oportunidades de negócio.

FTSE 100 companies: As empresas que pertencem ao FTSE100 e outros índices

As FTSE100 companies fazem parte do London Main Market, mercado principal de Londres e abrange cerca de 80% do valor total das empresas do mercado do Reino Unido.

É seguido do FTSE250 que são as empresas que por capitalização bolsista são chamadas de empresas de capitalização média e cobrem cerca de 15% do valor total do mercado do Reino Unido.

Estes dois índices combinados, geram o ftse350 que representa assim 95% do valor das empresas do Reino Unido.

Já o índice ftse Small Cap é o grupo de empresas que representa 2% do mercado. Se combinarmos todos estes índices teremos o ftse all-share. No entanto, existem empresas ainda mais pequenas que não são incluídas em qualquer um dos índices exatamente por serem demasiado pequenas e constituem o índice ftse fledging.

É a combinação de todos estes índices que constituem o mercado principal do Reino Unido.

É possível ter acesso ao índice completo das FTSE100, sendo que as empresas que estão no top 10 deste índice são:

  1. Royal Dutch Shell;
  2. Holdings do HSBC;
  3. BP;
  4. GlaxoSmithKline;
  5. Tabaco americano britânico;
  6. Unilever;
  7. AstraZeneca;
  8. Diageo;
  9. Barclays;
  10. BHP.

Como pode verificar são empresas que disponibilizam uma diversidade de serviços, desde gasolineiras, a agências bancárias ou indústrias farmacêuticas.

Conclusão

O mercado principal do Reino Unido é constituído por várias empresas, que juntas constituem índices diferentes. O FTSE100 index é um dos mais importantes índices de negociação do mercado de bolsa de valores de Londres pois constitui 80% do valor das empresas do Reino Unido.

Investir no ftse 100 é algo complexo, mas pode aliar-se a um intermediário de sucesso como a ROInvesting que o ajudará a fazer investimentos de CFD em ftse 100 que lhe permite beneficiar com a queda ou subida do mercado.

Apesar dos riscos associados a este tipo de investimento, com a ROInvesting terá uma série de benefícios associados como:

  • Não cobramos comissões sobre os depósitos efetuados;
  • Trading com alavancagem;
  • Baixos custos de margem por transação.

Se ficou curioso com este ou outros tópicos de investimento não hesite em visitar o nosso website ROInvesting.com.

FAQs

O que são os índices FTSE100, 250, etc.?

Cada um desses índices representa um conjunto de empresas e a sua contribuição para o valor do mercado das ações do Reino Unido. É o conjunto de todos esses índices que se constitui o mercado principal do Reino Unido.

Como as empresas entram nos índices FTSE?

As empresas cotadas em bolsa entram nos respetivos índices conforme a cotação das suas ações no mercado. Isto é, se uma empresa tiver um valor alto de mercado entrará num índice superior aquela cujo seu valor por ação é mais baixo.

Posso investir nos FTSE 100, 250, etc?

Sim. É possível investir comprando ações de empresas pertencentes aos respetivos indexes, mas pode também negociar contratos por diferença dos ftses que lhe permitirão, ainda com riscos associados, lucrar em caso de subida ou queda do mercado.

Quais são os outros maiores índices globais?

Outros índices mundiais igualmente importantes são o S&P 500 index de Chicago, o DAX 30 de Frankfurt e o NASDAQ 100 dos Estados Unidos.

As informações acima referidas não podem ser consideradas conselhos de investimento, sendo que os resultados passados não indicam os desempenhos futuros.

Abrir Conta